Nem a pessoa mais preparada,
mais bem intencionada,
que mais te ama,
vai usar o teu poder como você vai. 

Até a pessoa mais preparada,
mais bem intencionada,
vai ir contra algo que você acredita,
mais cedo ou mais tarde.

E o poder,
que era seu e você decidiu terceirizar a ela,
se volta contra você na forma de dor. 

As nossas maiores mágoas na vida residem em decepções de pessoas em quem depositamos um dia uma confiança e, em algumas situações, uma dependência emocional. 

Todo mundo erra. 
Todo mundo diz a coisa errada na hora errada. 

Mas se você deu a alguém o poder sobre o seu mundo inteiro e sobre as suas emoções, esse erro vai te marcar profundamente. 

Vivemos em um tempo extremamente incerto. 

Pela primeira vez em muitos e muitos anos, o mundo inteiro não tem mais a certeza de que o ano que vem será melhor do que o anterior. 

Mas uma parte de nós não sabe o que fazer com isso. 
Não fomos ensinados a lidar com nossos medos e ansiedades.

E aí vemos alguém seguro de si, 
alguém que parece saber mais do que todo mundo, 
alguém que tem acesso a uma informação que, por algum motivo, ninguém mais no mundo tem, 
e nos agarramos com unhas e dentes na narrativa dessa pessoa. 

Fomos doutrinados a confiar num Messias – e, por algum motivo, a acreditar que o tal poder de salvação estava em um grande escolhido. 

Projetamos essa necessidade messiânica nos pais,
nas instituições,
no governo. 

Esperamos que no novo emprego seja tudo diferente. 

Compramos um curso achando que aquilo vai mudar a nossa vida. 

Começamos a seguir alguém nas redes que fala com uma confiança que não tem como não acreditar. 

Mas cuidado. 
Muito, muito cuidado. 

Não acredite demais em mim, 
no seu ídolo da estação, 
em ninguém

O ser humano mais brilhante que passou por esse mundo também era humano como nós,
também era falho. 

Essa pessoa que te inspira tanto
talvez não esteja com a vida tão resolvida quanto parece. 

Esse cara que sobe no palanque
talvez tenha muito mais esqueletos no armário do você imagina. 

Pare de dar o poder que é seu de direito
a qualquer outra pessoa. 

#AReinvençãoDoPoder

<b>CAROL</b> MILTERS

CAROL MILTERS

Escritora & Investigadora da Saúde Mental no Trabalho | Síndrome de Burnout & Workaholismo

DEIXE SEU COMENTÁRIO E CONTINUE A CONVERSA

0 0 votes
Avaliação deste texto
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Artigos e dicas sobre saúde mental no trabalho, síndrome de Burnout, workaholismo e escrita terapêutica no seu e-mail:

MAIS DROPS

Conscientização da Burnout

(escrito hoje cedo) Existe uma cura coletiva que vai acontecer através das falas desta semana – e dos conteúdos que você pode compartilhar usando #conscientizaçãodaburnout. Mas

Continue lendo »
0
O que achou deste texto? Me conta nos comentários 💛 x
()
x