carol milters

Escritora, palestrante & consultora de saúde mental na relação com o trabalho, com enfoque em síndrome de Burnout e workaholismo

Carol Milters Cultura do Trabalho Síndrome de Burnout e Workaholismo

Carol Milters hoje é referência em síndrome de Burnout na relação com o trabalho. 

 

Nascida em Porto Alegre e morando na Holanda desde 2017, é autora dos livros “Minhas Páginas Matinais: Crônicas da Síndrome de Burnout” e “Um Passo Por Dia: Meditações para (re)começar, sempre que preciso”, idealizadora da 1ª Semana Mundial de Conscientização da Burnout e do grupo de apoio online Burnoutados Anônimos.

 

Não fossem seus dois graves episódios da síndrome de Burnout, Carol poderia ser uma alucinada executiva de alto escalão hoje. Quando o esgotamento profissional a atingiu no auge de sua carreira, Carol liderava equipes e projetos premiados para algumas das maiores organizações na América Latina e Europa, sendo acionista de uma empresa cujo faturamento foi de quase R$ 30 milhões no seu último ano como diretora de estratégia.

 

A partir de sua experiência pessoal com ansiedade, depressão e pânico resultantes dos seus burnouts, Carol publicou “Minhas Páginas Matinais: Crônicas da Síndrome de Burnout” em 2020, em inglês e português. Seu segundo livro,  Um Passo Por Dia: Meditações para (re)começar, sempre que preciso”, é um abraço que chega no momento em que estamos precisando tanto. Com uma coleção de 90 textos breves de cultivo à autoconsciência e autocompaixão, oferece uma verdade que conhecemos intuitivamente, mas enterramos no fundo de nossas almas, apenas para nos encaixarmos em sermos quem o contrato social nos dita que devemos ser. 

 

Seus livros já foram vendido em mais de 15 países, e sua história e iniciativas já foram exibidas em veículos como Você S/A, CNN Brasil, G1 e Carta Capital.

 

Carol também colabora com o Instituto Bem do Estar em iniciativas de promoção de saúde mental no trabalho. O Bem do Estar é uma organização sem fins lucrativos com o propósito de desafiar as pessoas a mudar o seu comportamento em relação à saúde da mente, colaborando para a prevenção de doenças psicológicas e contribuindo para uma sociedade mais consciente e saudável.

 

Na mídia

Minhas Páginas Matinais:
Crônicas da Síndrome
de Burnout