Crônicas

Não se apresse

Arquivo_007

“Não se afobe, não
Que nada é pra já
O amor não tem pressa”, já diria o @ChicoBuarque.

Ao chegar na sala de casa, vi a minha orquídea em flor.
Eu já havia desistido dela – mas ela estava só esperando seu tempo chegar.

Aqui no hemisfério norte, estamos chegando ao fim de um longo, úmido e cinza inverno.

Parece que tudo é pra já.
Bem pouco, quase nada, é pra já.

O que você está plantando aí, o que nem parece que vai dar em alguma coisa, vai florescer.

Não se apresse.

O tempo da natureza é soberano – e ele não voa.
Ele não se preocupa com Trending Topics, com feeds infinitos, com 15 segundos de stories ou com o prazo do seu chefe.
Ele apenas é.

Experimente tirar o pé do acelerador um pouquinho.
E olhe as flores. 🌸
Carol Miltersteiner

Carol Milters

Carol Milters

Escritora & Investigadora da Saúde Mental no Trabalho | Síndrome de Burnout & Workaholismo

Autora do livro "Minhas Páginas Matinais: Crônicas da Síndrome de Burnout", idealizadora da 1ª Semana Mundial de Conscientização da Burnout e do grupo de apoio online Burnoutados Anônimos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO E CONTINUE A CONVERSA

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Artigos e dicas sobre saúde mental no trabalho, síndrome de Burnout, workaholismo e escrita terapêutica no seu e-mail:

Mais crônicas

Obrigada Holanda!

Ontem fez 5 anos que vim pra Holanda em definitivo e tirei meu registro de residente.Parece que foi ontem.Parece que foi há uma vida inteira.

Continue lendo »

Artigo em destaque

0
O que achou deste texto? Me conta nos comentários 💛 x