Crônicas

Você não vai dar conta de tudo. E tudo bem.

Arquivo_003

Aceite.

Você não vai conseguir cumprir todos os seus prazos.
Bater todas as suas metas.

Você não vai conseguir ser tudo pra todo mundo.
Você não vai dar conta.

É fato.

Eu não te digo isso pra te desmotivar.
Muito pelo contrário:
É pra tentar te poupar de uma frustração inevitável.

Eu adoraria que os discursos motivacionais fossem realistas.
Que fosse “só querer”.
Que a gente é 100% responsável pela nossa realidade.
Que a gente consegue, sim, dar conta de tudo.

Mas não.

Existem os nossos limites internos: A nossa energia não é infinita.

Todos nós, sem exceção, precisamos repor toda a energia que investimos em algo.
E não tem como repor energia tentando dar conta de tudo.

O nosso rendimento não é linear.
Cada um de nós tem um ritmo que deve ser respeitado.
Tente ir contra esse ritmo – acelerando ou brecando demais – e o descompasso vai te incomodar profundamente, mais cedo ou mais tarde.

Existem os limites externos: Não temos controle sobre os resultados.

Não temos controle sobre como o outro se comportará, como ele reagirá a nós.
Não temos controle sobre muitas circunstâncias.

De novo: isso não é pra te desmotivar.

É pra te fazer entender que você precisa ter cuidado ao escolher aonde está indo a sua energia e atenção.

É pra te conscientizar que até quem parece estar dando conta tem uma série de expectativas frustradas com que precisa lidar todo santo dia.

É pra te aliviar um pouco da culpa.
Pra te fazer prestar atenção pros “sim” que você tá dizendo.

E pra te dizer que tudo bem não dar conta de tudo.
Dê conta do que importa pra você.
Comece por aí.

E já tá de ótimo tamanho. 💛

Carol Miltersteiner

Carol Milters

Carol Milters

Escritora & Investigadora da Saúde Mental no Trabalho | Síndrome de Burnout & Workaholismo

Autora do livro "Minhas Páginas Matinais: Crônicas da Síndrome de Burnout", idealizadora da 1ª Semana Mundial de Conscientização da Burnout e do grupo de apoio online Burnoutados Anônimos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO E CONTINUE A CONVERSA

0 0 votes
Avaliação deste texto
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Artigos e dicas sobre saúde mental no trabalho, síndrome de Burnout, workaholismo e escrita terapêutica no seu e-mail:

Mais crônicas

Nunca foi sorte

 A sorte e o inesperado são inegáveis.Chame isso de universo, de aleatoriedade, de Deus, de destino, mas entenda que não tá tudo na nossa mão.

Continue lendo »

Artigo em destaque

0
O que achou deste texto? Me conta nos comentários 💛 x
()
x